Prefeitura Municipal de Belo Oriente

Belo Oriente, 27 de abril de 2017
Você sabia? A primeira eleição municipal foi realizada em junho de 1963
Imprimir Email

Institucional

Civismo

por Assessoria de Comunicação Social

20/12/2011 11:18

Civismo

O “Brasão de Armas” do município foi oficializado com a lei nº 461, de 27/12/1995, pelo prefeito João Quita Ribeiro.
Art. 1º- Fica instituído o novo “Brasão de Armas” do município de Belo Oriente/MG, e seu emblema representativo, o brasão feito, conforme descrição abaixo:
Consta na parte superior do brasão uma coroa indígena, denominada “O COCAR”, em agradecimento aos verdadeiros brasileiros, cujo sangue derramado, destemido e bravo com suas flechas, sem retroceder, tombavam defendendo o Brasil contra os invasores estrangeiros, resguardando, assim, a nossa soberania.

No interior do Brasão, na parte superior, ostenta-se o sol, simbolizando belo nascedouro, lembrando a denominação da cidade. Dispostos logo abaixo, veem-se as chaminés, representando a maior fonte de riqueza do município, com a fabricação de celulose.
Destacam-se, ao lado do brasão, o milho e a cana, grande sustentáculo do município até a passagem de agrário para industrial. Consta também o slogan, “UNIÃO, TRABALHO E JUSTIÇA”, que foi instituído na Bandeira Municipal na gestão do prefeito Alderico Bento Lima, sendo meta administrativa até nossos dias. As datas de criação do distrito de Belo Oriente (1943) e de elevação do distrito à categoria de Município (1962 – emancipação político-administrativa)

Art. 2º - Fica inserido na Bandeira do Município, o novo “Brasão de Armas”, instituído no arti. 1º desta lei.
Art. 3º - Fica estabelecido, ainda, que a bandeira que o município tem como símbolo municipal, previsto no art. 4º, parágrafo 3º da Lei Orgânica Municipal, é aquela originalmente estabelecida, cujas cores alusivas seguem abaixo:
• Azul Celeste – O triângulo azul celeste, contendo o sol figurado no alto, representa o firmamento à luz do dia onde se denota a beleza do nascer do sol no céu de Belo Oriente.
• Amarelo Ouro – O triângulo amarelo ouro representa o rico solo de Belo Oriente e do Brasil, pátria a que pertencemos.
• Branco – A faixa branca representa Paz Universal, cujo lema almejamos todos nós, filhos desta terra, que ostenta a legenda “UNIÃO, TRABALHO E JUSTIÇA”.
• Vermelho sangue – As letras da legenda “UNIÃO, TRABALHO E JUSTIÇA”, de cor vermelho sangue, representam as aguerridas lutas dos nossos antepassados, em prol do desenvolvimento deste território, para o crescimento e formação deste povo ordeiro.
• Legenda – “UNIÃO, TRABALHO E JUSTIÇA” são palavras cujo tema firma os ideais desta gente ordeira, de boa fé, completando o famoso estandarte, que, assim representando, enaltece o povo do município de Belo Oriente.

Hino à Belo Oriente

Belo Oriente, terra querida.
Nossa terra, singela e gentil
És um astro que cintila
Nesse céu tão azul do Brasil.

Belo Oriente, entre verdes montanhas.
Aqui vive tranqüila e feliz
Tendo a Virgem do Céu por madrinha
Virgem amada do nosso país

Quando o sol de manhã se levanta,
Belo Oriente, ouro e luz se retrata
E de noite tão alvo parece
Ser a lua uma bola de prata

   Belo Oriente, terra querida
Terra cheia de glória e de luz
E de preta madeira se eleva,
Em três altas colinas uma cruz

Belo Oriente, terra querida,
Ouve agora este canto de amor,
Salve, salve, torrão divinal
Terra cheia de tanto esplendor.
 


 



Matérias relacionadas

    Final do corpo do documento e conteúdo da página